.... Edición ya disponible ....
   

artelibre store
 
 
 
 

Tu publicidad aquí

 
Usuario
Contraseña
Acceder
Registrarse Recordar Contraseña

  Menú principal
+ Abstracto
+ Abstracto Geometrico
+ Academico
+ Acuarelistas
+ Aerografo
+ Art-Deco
+ Arte Conceptual
+ Arte Ciencia de la salud
+ Arte digital
+ Arte digital 3D
+ Arte Gráfico
+ Art Nouveau
+ Arte Intimo
+ Arte Visionario
+ Arte Visual
+ Artisieme
+ Audiovisual
+ Bidimensional
+ Barroco
+ Caricaturas
+ Colorismo
+ Collage
+ Comic
+ Conceptual
+ Contemporaneo
+ Constructivismo
+ Costumbrista
+ Cubista
+ Dadaísmo
+ Decorativo
+ Dibujo y grabado
+ Dimensionalismo
+ Ecléctico
+ Encausto
+ Erotico
+ Esmaltado
+ Espiritual
+ Existencialista
+ Expresionistas
+ Etnico
+ Fauvista
+ Figuración Abstracta
+ Figurativismo
+ Fileteado
+ Futurista
+ Globalista
+ Graffiti
+ Hiperrealistas
+ Hiperespacialista
+ Inconformista
+ Ilustraciones
+ Impresionistas
+ Informalistas
+ Intimista
+ Manierismo
+ Marquetería
+ Marroquinería
+ Massurealismo
+ Materismo
+ Medieval
+ Metamórfico
+ Minimalista
+ Místico
+ Modernistas
+ Mosaico
+ Multidisciplinar
+ Muralistas
+ Naif
+ Naturistas
+ Neo-clasicistas
+ Neo-cubismo
+ Neo-crotalico
+ Neo-dadaista
+ Neo-impresionistas
+ Neo-expresionistas
+ Neo-figurativos
+ Neo-Pop
+ Neo-realismo
+ Novecentistas
+ Numérico
+ Oniristas
+ Paisajistas
+ Papirotecnia
+ Pin-Up
+ Pirograbado
+ Planismo
+ Poliédrico
+ Pop-Art
+ Post-moderno
+ Post-impresionistas
+ Post-romantico
+ Puntillista
+ Purismo
+ Realistas
+ Realismo mágico
+ Relieves Artisticos
+ Renacentistas
+ Retratistas
+ Rococo
+ Romanticistas
+ Seda
+ Semifigurativo
+ Simbolismo
+ Simbolismo Imaginario
+ Stuckist art
+ Surrealistas
+ Surrealismo Digital
+ Tapices
+ Textil
+ Trampantojo
+ Trencadís
+ Vanguardistas
+ Viceral
+ Videoarte
+ Vidrieras
+ Visionario
+ Visual
+ Wildlife
 
+ Academias de arte
+ Actividades creativas - niños
+ Agenda Cultural
+ Agencias de arte
+ Arte - Historia del arte
+ Artes Decorativas
+ Artesanía
+ Antiguedades
+ Asociaciones - colectivos
+ Blogs Arte y Cultura
+ Buscadores de arte
+ Ceramica
+ Certamenes de arte
+ Conferencias de arte
+ Crítica y críticos de arte
+ Cultura
+ Cultura - Articulos
+ Empresas Cultural
+ Enmarcación Artesanal
+ Escuelas de arte
+ Escultura
+ Ferias de arte
+ Foros de arte
+ Fotodocumentalismo
+ Fotografía
+ Fotografia creativa
+ Historiador de arte
+ Impresión
+ Marchantes de arte
+ Marqueteria
+ Noticias de arte
+ Performance
+ Poesía
+ Poesía Visual
+ Restauradores de arte
+ Revistas de arte
+ Sala de Exposiciones
+ Serigrafía
+ Subastas de arte
+ Tasaciones - Valoraciones
+ Tutoriales
+ Varios multicultural
+ Venta material arte
+ Vidrio
 
+ Galerias de arte
 
+ Bibliotecas del Mundo
+ Casas de Juventud
+ Cine
+ Decoración
+ Diseño Gráfico
+ Diseño y moda
+ Diseño textil
+ Diseño web - animaciones
+ Editoriales
+ Escenografía
+ Escritores
+ Fundaciones
+ Historia del Arte
+ Joyeria y Bisutería
+ Lengua y Literatura
+ Museos
+ Orfebrería
+ Productora de Video
+ Publicaciones
+ Revistas de cine
+ Revistas Literarias
+ Teatros - Auditorios
+ Teatros - Espectaculos
+ Traductores
+ Turismo - Casas con encanto
+ Turismo - Guía viajes
+ Viajes especiales
+ 
+ Guia de arte
+ vacaciones
+ Aviso Legal
   
   [Agregar sitio a favoritos] TU WEB DE LA CULTURA     

Búsqueda personalizada

Nombre:Militao dos Santos Militao
Texto: Militão dos Santos A alegria de viver Uma das maiores dificuldades de se debruçar sobre a arte dita naïf, primitivista ou ainda de matriz popular é que ela se apresenta como aparentemente simples. No entanto, é justamente esse um dos maiores enganos das críticas feitas a pintores que expressam a sua visão de mundo com autenticidade. Esse é o caso de Militão dos Santos. Nascido em Caruaru, PE, em 1956, sua principal característica está na intensidade das cores. Elas são utilizadas sem medo, estabelecendo uma atmosfera de ampla vivacidade em que surge uma realidade pictórica de contagiante explosão de sentimentos. Temas populares, que o artista conhece bem, como feiras e festas, são levados para a tela de modo a despertar no observador o que ele tem de melhor. Existe uma recuperação da idéia de que a realidade pode ser harmoniosa e da valorização de um paraíso perdido pelo cotidiano urbano em que as pessoas vagam solitárias. Um diferencial da obra está na forma de pintar as copas das árvores. Elas explodem como fogos de artifícios. São talvez um dos principais pontos a atrair o olhar do público. Auxiliam de maneira determinante a criar um espaço em que o sonho é essencial no sentido de devolver as esperanças à humanidade de uma vida melhor. Em linhas gerais, a técnica de Militão dos Santos nos brinda com um primeiro plano de figuras humanas; um segundo, com a elaboração de uma linha de construções, principalmente casarios populares; e um fundo marcado pela existência de colinas e o revoar de aves. A pintura do artista consegue assim articular um universo de sensações em que a alegria de viver é fundamental. Ela se manifesta pela mencionado uso das cores e por composições em que o equilíbrio visual está associado à força de um trabalho que se caracteriza pelo amor à vida sobre todas as coisas. Oscar D?Ambrosio, jornalista e mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da Unesp, integra a Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA- Seção Brasil).
Web:www.militaodossantos.com
Estilo:Naif

DADOS BIOGRӁFICOS
MilitÓ£o é um exemplo exato da valorizaÓ§Ó£o do sentido visual . Aos sete anos de idade contraiu meningite e perdeu 100% da audiÓ§Ó£o . Para minimizar a deficiÓªncia, a família o transferiu para o Rio de Janeiro,em 1970, para que se matriculasse no Instituto Nacional de EducaÓ§Ó£o de Surdos . No INES, ele nÓ£o só aprendeu as linguagens labial e dos símbolos como pÓ´de desenvolver a sua inclinaÓ§Ó£o para a pintura em aulas com o artista plástico Rubens Fortes Bustamante Sá (já falecido), que lhe transmitiu a idéia de composiÓ§Ó£o e cores .
Sua participaÓ§Ó£o no mercado iniciou-se no Rio de Janeiro, participando do grupo que expÓµe na feira de arte da praÓ§a General Ozório , em Ipanema , tendo sua produÓ§Ó£o adquirida semanalmente pelos turistas .
Em 1982 passou uma temporada entre Uruguai, Argentina e Paraguai, retornando ao Brasil em 1986 .
Em 1990, volta para Recife, onde passa a residir . Pela sua demorada ausÓªncia, sentiu o impacto de ser nessa capital um mero desconhecido . Entretanto, sua vontade de vencer no meio artístico leva-o a pintar cada vez mais,aprimorando o seu trabalho, que resulta numa exposiÓ§Ó£o individual que faz por conta própia no lobby do mar hotel .” Eu sempre vendi tudo que pintava,por isso me acomodei e só agora irei fazer a minha primeira individual,”argumenta o artista .
O fato é que militÓ£o tem um mercado invejável para dar vazÓ£o a sua obra . Recentemente, por exemplo, fechou contrato de exclusividade com a joalharia H . Stern, uma das maiores do pais, em quase trÓªs anos foram fornecidos mais de 150 quadros.
Hoje, militÓ£o tem seus trabalhos constando nas melhores galerias de arte, assim como adquiridos freqÓ¼entemente pelo mercado exterior .
Galeria como Gottfried Murbach (Zurique/SuíÓ§a) e Arvene At (Miami/EUA), sÓ£o constantes na aquisiÓ§Ó£o dos seus trabalhos .
Caderno C do Jornal do Commercio.
Recife, 12 de janeiro de 1993

EXPOSIӇӕES

Individuais

1992 - Lobby do Mar Hotel ( Recife - PE )

1993 - Arte Maior Galeria ( Shopping Center Recife ) ( Recife - PE )

1994 - AlianÓ§a Francesa ( Recife - PE )

1995 - Shaeraton Petribu Hotel ( Recife - PE )

1996 - EspaÓ§o Cultural H. Stern ( Rio de Janeiro - RJ )

1997 - Arte Maior Galeria ( Shopping Guararapes ) ( JaboatÓ£o - PE )

2000 - Arte Maior Galeria ( Espinheiro Shopping ) ( Recife - PE )

2000 - Ernandi Jr. Galeria de Arte ( Aerop. Int. G. Gilberto Freire ) ( Recife - PE )

2001 - Arte Maior Galeria ( Recife - PE )

2008 - EspaÓ§o Yázigi Internexus Bezerros ( Bezerros - PE )



Coletivas e PremiaÓ§Óµes

1979 - SalÓ£o Baronense de Arte de SÓ£o Paulo ( MenÓ§Ó£o Honrosa ) ( SÓ£o Paulo - SP )

1981 - 2º SalÓ£o de Artes Plásticas de S. J. do Meriti ( PrÓªmio Categ. Ouro) ( Rio de Janeiro - RJ )

1987 - 1º Festival de Arte Naif Brasileira ( Medalha de Bronze ) ( Campinas - SP )

1989 - 2º Festival de Arte Naif Brasileira ( Medalha de Bronze ) ( Campinas - SP )



1997 - Major Art Gallery ( Minnesota - EUA )

1999 - 12º Talentos, Acre Galeria Shop´Show ( Recife - PE )

2003 - 4º Feneart, Centro de Convenӧӵes ( Olinda - PE )

2004 - 5º Feneart, Centro de Convenӧӵes, 3º Lugar Concurso Novos Talentos (Olinda - PE )

2005 - 6º Feneart, Centro de Convenӧӵes ( Olinda - PE )

2007 - The Saatchi Gallery London ( Londres - Ingraterra ) –Exposiӧӣo on-line permanente

2008 - The Saatchi Gallery London (Londres - Ingraterra ) – Exposiӧӣo on-line permanente

2009 - AteliÓª 238 - Amigos das Artes ( Recife - PE )- ExposiÓ§Ó£o on-line permanente

PubricaÓ§Óµes
1988 – Dicionário dos Pintores do Brasil – JoÓ£o Medeiros – Editora IrradiaÓ§Ó£o Cultural
1994 - Cadastro Arte Maior de Pernambuco – Arte Maior Galeria – Editora Brasileira de Guias Especiais
1996 – Cadastro Arte Maior de Pernambuco – Arte Maior Galeria – Editora Brasileira de Guia Especiais
2008 – O Paulistano – Revista oficial do Clube Athletico Paulistano – junho 2008
2009 – Comida é Arte – Aspectos culturais e sociais da alimentaÓ§Ó£o do brasileiro através dos tempos – Segmento Farma Editores – Carlos Ribeiro,Daniela Barros e Eduardo Magno
2009 – A Arte de Fazer Arte – Editora Saraiva – Denise Akel Haddad,Dulce Gonӧalves Morbin e Priscila Okino